A shungite é um mineral de origem orgânica sem estrutura cristalina, maioritariamente composto de carbono (até 98%) e com uma dureza de 4 na escala de Mohs.

Com 2 biliões de anos de existência, tem origem na acumulação de micro organismos com resíduos de lama e silte. Após terem sido sujeitos a calor geotermal e compressão, estes resíduos orgânicos transformam-se em hidrocarbonetos líquidos que ao longo do tempo petrificaram até se transformar no mineral que conhecemos hoje.

Onde pode ser encontrada?

O seu nome deriva do local onde foi encontrada e onde é mais abundante, perto da Vila de Shunga na região da Carélia.
Apesar do maior depósito ser no lago Onega, perto de Shunga, há também shungite noutras regiões da Rússia, nomeadamente Kamchatka e Chelyabinsk. Há também vestígios de shungite em menor quantidade na Áustria, Índia, Congo e Cazaquistão.

Os diferentes tipos de Shungite:

A shungite pode ser categorizada em 3 tipos conforme a sua composição de carbono.

O Tipo I, conhecida como shungite elite e que contém entre 90% e até 98% de carbono, o Tipo II que contém entre 50% a 90% de carbono e o Tipo III – entre 30% a 50% de carbono.

O tipo I,  é o tipo de shungite mais raro e apresenta um tom prateado metalizado que o distingue da normal (tipo II e III), que é negra.

As propriedades da Shungite

Para além da sua composição rica em carbono, a shugite é rica também em fulereno, o que a torna numa incrível pedra para neutralizar diversas formas de energias negativa.

É uma pedra de purificação e proteção ajuda a proteger contra energias negativas. Especialmente útil contra contra vampiros energéticos, após ter interagido com alguém que sugue a sua energia, a shungite ajuda a repô-la.

No entanto, a característica que mais se destaca, é a sua capacidade de nos proteger contra a poluição eletromagnética e os campos eletromagnéticos.

O que são os campos eletromagnéticos e como nos afetam?

Os aparelhos electrónicos que utilizamos no dia-a-dia (computadores, smartphones, tablets, televisões, etc) emitem radiação eletromagnética, que leva à criação dos chamados campos eletromagnéticos. 

Quer estejamos conscientes disso ou não, frequentemente estamos rodeados destas radiações que acabam por afetar o nosso corpo (física e energeticamente).

Os campos eletromagnéticos afetam cada pessoa de forma diferente, dependendo da sua sensibilidade. Podem causar sintomas mais ligeiros e que muitas vezes não associamos a estas radiações, como dores de cabeça, falta de energia, défice de atenção ou dificuldades em adormecer.

Em casos mais extremos de pessoas com hipersensibilidade a estas radiações, pode ocorrer fadiga, aumento da ansiedade, stress, irritabilidade e insónias. 

Como pode a shungite ajudar?

A forma mais eficaz de nos proteger contra estas radiações, é minimizando a nossa exposição a estes aparelhos, no entanto isso nem sempre é possível. A shungite é uma das melhores aliadas para  reduzir a influencia destas radiações sobre nós. 

Esta pedra absorve e neutraliza estas radiações, stress geopático bem como outras formas de energia negativa. 

Água de Shungite

Reconhecida pelas suas propriedades curativas no seu país de origem, é utilizada em spas para promover o bem-estar. 

Tem um efeito poderoso sobre o sistema imunitário, e para além de filtrar todos os elementos negativos, infunde a água com a sua energia e confere-lhe propriedades curativas que beneficiam o nosso sistema imunitário.

Quando submergida na água, tem um efeito semelhantes aos filtros de água feitos de carvão ativado (carbono). A shungite  consegue absorver até 95% dos agentes negativos na água como: pesticidas, nitratos, chumbo e outros poluentes.

Para fazer água de shungite, recomenda-se a utilização da Shungite tipo I devido à maior concentração de carbono. 

Como fazer?

É bastante fácil fazer água de shungite, basta:

  1. Lavar e energizar os cristais que vai utilizar (ver como abaixo);
  2. Colocar 70g de shungite elite por cada 1L de água;
  3. Esperar algumas horas (idealmente durante a noite) antes de consumir;
  4. Servir a água num copo utilizando um coador para apanhar cristais pequenos que possam cair.

Nota: Basta ir repondo a água para continuar a fazer água de shungite mas é importante que limpe frequentemente (fisica e energeticamente) e energize os cristais que vai utilizar.

Como limpar e cuidar da shungite

Como absorve energias negativas, tal como outras pedras de proteção que utilize com regularidade, deve ser limpa e energizada com maior frequência.

Pode ser limpa com água, e caso a vá utilizar para fazer água de shungite é recomendado que coloque os cristais em água a ferver para os esterilizar. 

Depois de limpos, carregue os cristais por algumas horas ao sol para potencializar os seus efeitos.

Falsificações

A shungite, é infelizmente uma pedra bastante falsificada e muitas vezes outros minerais (como por exemplo xisto) sem quaisquer propriedades curativas são vendidas no seu lugar.

A shungite tipo II e III é mais facilmente confundida com outros minerais e por isso mais fácil de falsificar.  A de tipo I, é mais fácil de identificar visualmente, mas pode igualmente ser falsificada.

Uma característica imediatamente notável é seu peso deste cristal, pois é surpreendentemente mais leve do que aparenta ser.

 Visualmente, até para as pessoas mais experientes e acostumadas a lidar com shungite pode ser difícil identificar uma pedra falsa, especialmente quando polida. Há num entanto um teste que pode fazer para testar e confirmar a sua autenticidade. 

Testar se a Shungite é autêntica

Devido à elevada concentração de carbono, a shungite é um excelente condutor eléctrico. Esta característica é comum aos três tipos de shungite e este teste pode ser utilizado para a diferenciar de outros minerais.

Com um multímetro com bateria (pilha) pode medir a condutividade dos cristais e comprovar a sua autenticidade. 

É importante que tenha uma bateria pois a shungite não produz carga eléctrica, apenas conduz corrente eletrica.

O multímetro é um aparelho utilizado para medir a corrente elétrica. Não precisa de se preocupar com a leitura no visor, apenas que haja movimento quando for detetada corrente elétrica.

Teste o multímetro unindo os dois pólos para ver se regista alguma leitura, ajuste o aparelho se necessário até isso acontecer. Poderá também testar com os pólos com um chave de fendas ou algo feito de metal, que é um condutor eléctrico.

Caso o multímetro registe uma leitura, então a shungite é autêntica. No caso de o ponteiro não registar qualquer movimento, então trata-se de outro mineral.

Poderá também gostar de:

amazonite em bruto

Amazonite

A Amazonite é uma pedra de calma, harmonia e proteção. Pode ser utilizada ao nível do chakra da garganta ou do coração.

labradorite rolada

Labradorite

A Labradorite, é uma pedra de proteção e desenvolvimento espiritual que mantem afastadas energias indesejadas, e evita fugas energéticas.

lápis lazúli em bruto

Lápis-lazúli

O lápis-lazúli é uma pedra de sabedoria, inspiração e proteção. Promove a progressão espiritual e o desenvolvimento da intuição.

calcite óptica

Calcite Óptica

A Calcite Óptica é uma pedra de revelação, orientação e novos começos. Pode ser utilizada para limpar e alinhar todos os chakras.

Shopping Cart
0
    0
    Carrinho
    O seu carrinho está vazioVoltar à Loja